6 de set de 2008

Formação de professores em Cuba e Brasil. Um estudo

Cuba é um país que desperta muitas paixões, fato pelo qual é muito raro encontrar opiniões que não sejam extremas, entre o amor e o ódio, de acordo com a prisma ideológico pelo qual a pessoa olhar.

Muitos professores que se interessam em melhorar a educação, já provavelmente terão pensado algum dia em quais são essas condições existentes no território cubano que produzem uma educação com níveis de qualidade invejáveis. É possível que muitos fiquem satisfeitos simplesmente com a ideia que a causa seja a revolução cubana, mas para chegar em alguma conclusão de valor é necessário fazer uma análise objetiva de quais seriam essas características ou ações diferenciais.

Um grão de areia no avanço da compreensão das causas ou condições para esse sucesso, foi o que fez a profa. Rose Meri Trojan, com o artigo "Teoria e prática na formação docente: estudo das políticas educacionais brasileiras e cubanas", publicado recentemente na revista Práxis Educativa, da UEPG (v. 3, n. 1, 2008).

Acredito que a análise comparativa realizada pela professora Rose Meri é de grande valor e interesse, embora saibamos que a formação de professores é muito importante mas não é o único dos fatores que favorecem ou dificultam uma educação de qualidade.

Parabéns professora!